Buscar
  • Rádio Notícias

PROJETO DE LEI NA ALESP DENOMINA TATUÍ COMO “TERRA DOS DOCES CASEIROS”


Na terça-feira (15/06), a Prefeitura de Tatuí, por meio da secretaria Esporte, Cultura, Turismo, Lazer e Juventude, na pessoa do secretário da pasta, Cassiano Sinisgalli, oficializou um pedido a deputada estadual, Dra. Damaris Costa (PSDB), para que Tatuí seja declarada, por Lei, como “Terra dos Doces Caseiros”, no Estado de São Paulo. O pedido foi atendido pela deputada e, na quarta-feira (17/06), foi publicado no Diário Oficial da Assembleia Legislativa do Estado (Alesp), o projeto de lei, que agora depende do aval da Casa Legislativa.

O pedido, foi entregue pelo secretário ao término da participação da deputada na live em comemoração ao Dia Mundial de Combate à Violência contra a Pessoa Idosa, promovida pelo Fundo Social de Solidariedade de Tatuí (FUSSTAT). Damaris parabenizou o destaque da cidade na produção de doces caseiros e garantiu que iria elaborar e protocolar um Projeto de Lei junto a Alesp, visando declarar o município de Tatuí como “Terra dos Doces Caseiros”; fato este, que se concretizou.

De acordo com Sinisgalli, a tradição doceira de Tatuí teve início em 1952, quando a moradora da cidade, Belarmina de Campos Oliveira, começou a produzir os tradicionais doces ABC (Abóbora; Batata-doce e Cidra), em sua própria residência, sem qualquer preocupação ou pretensão comercial. Vale ressaltar, que em Tatuí é realizada, anualmente, a tradicional “Feira do Doce”, que é considerada o maior evento de doces caseiros do interior paulista, recebendo mais de 50 produtores de doces do município.

Outros títulos – Tatuí foi um dos primeiros municípios do Estado de São Paulo a ser reconhecido como “Município de Interesse Turístico – MIT”, por meio da Lei nº 16.429, de 31 de maio de 2017, em razão de sua vocação para o Turismo Cultural.

Também foi reconhecido como “Capital da Música”, pela Lei nº 12.544, de 30 de janeiro de 2007, pois o município possui um dos mais importantes conservatórios de música da América Latina, o Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos”.

10 visualizações0 comentário